Bibliografia e Trabalhos futuros



2012

Publicação do seu primeiro romance Mariposas no Útero.
Premiado no concurso nacional "ANE (Associação Nacional dos Escritores) - 50 anos" com o conto A Violinista.
Contemplado no 4º Prêmio Literário Sérgio Farina com o conto E assim se fez o mar.


 2013

Escrito o segundo romance. Ainda não foram realizados contatos com editoras, caso você seja editor e tenha interesse em publicar a obra, entre em contato.


 2014
Atualmente: Escrevendo o terceiro livro, o maior dos três existentes, fortes referências ao estilo de escrita de Gabriel García Márquez, Mario Vargas Llosa, José Condé dentre outros escritores, talvez, principalmente, Mia Couto. Não é fácil saber exatamente o que, ou quem, me despertou este desejo que até então não reconhecia: o de retratar uma cultura apaixonada através da infância comum que permeia as lembranças. Escrevendo assim, de uma maneira fantástica os sentimentos mundanos envoltos da vida simples no campo, na colônia, onde as superstições se tornam dragões e os amores moinhos de vento. A obra também faz homenagem a uma figura imprescindível na minha vida, meu avô José Alcides Bortoluz, falecido em 2012.

Quando o desejo de escrever pequenos fragmentos literários surgirem, bem como; contos, pensamentos ou poesias, estes serão publicados no blog. Logo, esta não é uma página esquecida. Siga, receba a newsletter e acompanhe o autor. Agradeço a companhia durante solitária caminhada.


Tiago André Vargas

Um comentário:

  1. Solitária pode até ser a caminhada da escrita.
    Só não se esqueça seu autor das risadas e das lagrimas, das emoções exacerbadas trazida a tona por suas palavras durante sua longa e solitária caminhada.

    ResponderExcluir