Noite - ponte / você

by 21:48:00 0 comentários
Talvez fosse todo café
Sabores de outra escravidão
Talvez fosse bossa-nova
Incompreendida ausente solidão

Não sei o que me faz pregar
Olhos e relógios em ponteiros
Noite adentro nada a pensar
Bebendo água sem mágoa
Gosto nobre de silêncio

Logo todos planos são planos
O resto do café limpado a pano
Toda noite na noite é engano
Todo dia a vida afora
Sem porta
Agora

Mas ainda há esta madrugada
Saboreio o erro de acordado permanecer
Jogo perdido sem última cartada
Dormir e esquecer

MAS

E

VOCÊ

?


.

Autoria de Tiago André Vargas
Fotografia de Beebaxer .

Tiago André Vargas

Developer

Pesadelo de camaleão é que tem só uma cor.

0 comentários:

Postar um comentário